Trabalhadores começam a receber o lucro do FGTS

Os lucros do FGTS serão pagos aos trabalhadores, porém iniciará primeiro com as contas paradas com valor inferior.

1 90

Os lucros do FGTS passaram a ser depositados aos trabalhadores. No entanto, esses pagamentos tiveram início pelas contas paradas com valor inferior e as demais contas ativas estão por receber os valores normalmente.

Esses pagamentos ocorrem ao mesmo tempo para as contas que não são usadas e as contas ativas de cada funcionário. A divisão não ocorrerá entre ambas, portanto, não existirá diferença entre quem recebe primeiro ou depois, de acordo com o maior ou menor volume desses recursos.

Por que o lucro do FGTS será dividido entre os trabalhadores?

Os lucros que obtiveram no ano de 2020 deverá ser dividido aos trabalhadores que possuíam saldo positivo em suas contas até o dia 31 de dezembro. O Conselho Curador havia se reunido e decidiram que 96% dos lucros funcionarão dessa forma.

Esses 96% dizem respeito a distribuição dos valores de R$ 8,129 bilhões dos lucros do ano passado. No momento, 191,2 milhões de contas receberão suas partes do FGTS e 1,83% será sobre o saldo da conta ativa ou inativa. 

Pela lei esses lucros do FGTS começaram a ser divididos no ano de 2016 e nos primeiros dois anos, era pago cerca de 50% desses lucros. No entanto, em 2019 esse percentual se alterou e agora é definido sempre pelo Conselho Curador de Fundos, que tem em sua composição os representantes do governo e da sociedade.

Quanto vou receber?

De acordo com o Conselho Curador, para cada mil reais, serão depositados R$ 18,63 na conta do trabalhador. Por exemplo: se o saldo for de R$ 2 mil, o crédito seria de R$ 37,26 e para as contas com saldo de R$ 3 mil o crédito será de R$ 55,89.

Essa remuneração é de 3% ao ano junto da TR, que até o presente momento encontra-se em zero. Esses lucros farão com que a rentabilidade aumente aos trabalhadores, além de movimentar parte da economia.

Como receber minha parte da distribuição?

Para que o trabalhador receba parte desta contribuição, deverá ter tido saldo positivo no dia 31 de dezembro, mesmo que a conta seja inativada será possível receber os valores distribuídos do FGTS.

E para poder ter certeza de que receberá o valor, pode consultar diretamente no aplicativo do FGTS, deve possuir cadastro. Esses apps estão disponíveis tanto para Android quanto IOS. 

Outra forma fácil de consultar o saldo do FGTS é através diretamente do site da Caixa, mas é importante lembrar que para realizar o login deverá possuir cadastro. 

Para poder se cadastrar é simples, acesse o site da Caixa para inserir o número do NIS ou CPF, marque a caixinha de verificação e escolha a opção Cadastrar/Esqueci senha. Aceite os termos para avançar e poder ter acesso à uma nova página para inserir seu nome, nome dos pais, por fim a data de nascimento e o RG 

Na outra página deverá inserir um e-mail para realizar a verificação do mesmo. Basta acessar a caixa de e-mail com o link enviado pela Caixa, portanto, ao ser redirecionado para cadastrar uma senha, digite de acordo com o solicitado e avance. 

O login será necessário e casa haja alguma pergunta que deve ser confirmada, responda para ser enviado para outra página.

1 comentário
  1. […] saldo pode ser consultado pela internet de duas formas: pelo aplicativo do FGTS, disponível para aparelhos com sistema Android e iOS, e no site da Caixa Econômica […]

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

DMCA.com Protection Status