Saiba como é importante ter um planejamento financeiro e como sair das dívidas!

0 74

É muito importante ter um planejamento financeiro para que você não caia em dívidas, ou se já caiu, que consiga sair e se manter sempre com saldo positivo. Muita gente não sabe por onde começar, porque, na verdade, esse planejamento não faz parte da rotina da maioria da população brasileira.

O fato de ser importante ter um planejamento financeiro, é que ele pode te livrar de muitas furadas e manter sua vida mais em ordem, auxiliar a guardar dinheiro e tirar planos do papel. Descubra algumas dicas de como se planejar financeiramente!

Porque é importante ter um planejamento financeiro?

O planejamento financeiro é extremamente importante para te ajudar a tomar as melhores medidas a curto e também longo prazo, pois dessa forma, você consegue monitorar melhor os seus gastos e ganhos, o que possibilita manter o equilíbrio e tirar planos do papel e juntar dinheiro.

Porque é importante ter um planejamento financeiro?
Planejamento financeiro.
Fonte/Reprodução: original.

Manter o equilíbrio entre gastos e ganhos é fundamental para uma vida financeira saudável, o que pode proporcionar diversos benefícios para você.

Quando iniciar o planejamento financeiro?

O momento indicado para dar início ao planejamento financeiro é logo quando se começa a ganhar dinheiro. Então, assim que entrar naquele emprego novo e o dinheiro entrar, seja fixo ou variável, no caso de prestadores de serviço, é importante começar a tomar nota dos valores ganhos e gastos, principalmente dos gastos fixos que você tem todos os meses.

Como se planejar para sair das dívidas?

Se você está com crédito negativo, também é importante ter um planejamento financeiro específico para esse momento. Assim, será possível quitar suas dívidas e começar a se planejar para que não se enrole novamente.

Confira como você pode deixar as dívidas para trás e apostar em um planejamento financeiro eficiente.

Ganhos x Gastos

Para iniciar um bom planejamento, é necessário saber quais são os seus ganhos e dívidas. Inicie ao anotar seus gastos fixos como luz, aluguel, mercado, contas, e os variáveis, como cartão de crédito, sem esquecer de ter uma reserva, para caso haja emergências.

Negociação das dívidas

Depois de saber o quanto ganha e quais seus gastos fixos, é importante colocar no planejamento as suas dívidas.

Tenha em mente o quanto você conseguirá gastar por mês para quitar suas dívidas, e na hora de negociar, utilize esse valor com o credor. Depois, é importante acrescentar esse valor mensal das dívidas em seu planejamento de gastos fixos e não deixar de pagar.

Planejamento financeiro

Existem alguns planejamentos prontos que podem ser seguidos de acordo com a sua necessidade, que dividem porcentagens dos seus ganhos entre gastos fixos, variáveis, lazer e outras necessidades. Para quem está começando a aprender, é uma possibilidade interessante.

Controle de gastos

O princípio básico de um bom planejamento é não gastar mais do que ganha, principalmente se já está negativado, pois todos os gastos extras, que não são de necessidade básica, podem ser revertidos para o pagamento das dívidas.

Notas dos gastos

Todos os seus gastos também devem ser anotados para te ajudar a ter uma visão melhor. Pela facilidade dos pagamentos com cartão, muitas vezes perdemos o controle de quanto gastamos, e para te auxiliar nisso, uma dica é ter uma planilha para anotar os seus gastos para mantê-los sempre sob controle.

Estudo da educação financeira

Por não ser ensinada em escola, apesar de extremamente importante, é comum haver dúvidas sobre educação financeira. Por isso, busque aprender mais para se adaptar e conseguir fazer um bom planejamento.

Hoje, além dos livros, você consegue encontrar ajuda e direcionamento de forma gratuita em vídeos e redes sociais focadas em educação financeira.

Quais os riscos de não se planejar financeiramente?

Além da falta de dinheiro e da possibilidade de concretizar planos e sonhos, a falta de um planejamento financeiro também pode afetar a sua saúde em geral, como depressão, ansiedade, problemas digestivos e até mesmo cardíacos.

Agora que você já sabe como é importante ter um planejamento financeiro, é hora de começar a se planejar para sair do sufoco e não precisar mais cair nele.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

DMCA.com Protection Status