planejamento do negócio passo a passo para criar um plano de negócios eficaz

Planejamento do negócio: passo a passo para criar um plano de negócios eficaz

Em qualquer ramo que seja, o planejamento do negócio é essencial para uma empresa. Mas no Brasil, essa organização estratégica é ainda mais fundamental, dado os obstáculos que uma empresa tem que enfrentar em nosso país.

Para certas mentes, naturalmente empreendedoras, este tipo de planejamento é bem orgânico, é normal que esses indivíduos realizem a organização de sua vida de acordo com este norte.

Porém, sem dúvidas não são todos que nascem com esse dom e a maioria precisa aprender de algum modo a planejar o seu negócio. Este planejamento nunca é completo, afinal, nenhum empreendedor por mais atencioso que seja irá conseguir conceber todas as variáveis e situações do mercado. No entanto, o planejamento deve compreender e abordar os pontos mais essenciais para um negócio ser realizado.

Quer aprender como desenvolver um planejamento de negócios? E também qual o passo a passo e a relevância deste tipo de organização? Fique em nosso artigo e aprenda tudo sobre o tema!

O que é o planejamento do negócio?

O planejamento do negócio é um plano estratégico que aborda os principais pontos sobre o seu empreendimento.

Toda empresa precisa de uma série de variáveis que estejam funcionando na mesma direção para dar certo. Sem este tipo de articulação complexa, qualquer empresa não passaria da primeira semana.

Uma empresa, por exemplo, deve se adequar às leis de um país ao mesmo tempo que tem que apostar em um mercado que gere lucro a curto e longo prazo ao negócio. Assim ela pode se sustentar e se manter na legalidade ao mesmo tempo.

o que é o planejamento do negócio
O que é o planejamento do negócio. Fonte/Reprodução: original

Em teoria, não existe nada que una essas duas variáveis, no entanto, ambas são fundamentais para a empresa continuar existindo. Esse tipo de articulação depende quase que exclusivamente do plano do empreendedor. Conseguir unir essas realidades, esses dois fatores da empresa, é uma habilidade conquistada com o planejamento do negócio.

Este planejamento estratégico deve estar registrado, no geral, por escrito, de forma que seja facilmente lido, identificado e até mesmo compartilhado. Afinal, ele não é utilizado apenas pelos gestores de uma empresa, mas também por seus investidores e até mesmo apresentado em feiras e para possíveis parceiros comerciais.

Como já mencionado, o planejamento do negócio não pode abordar todos os pontos ideais para uma empresa funcionar. Mas ele deve estar ciente e ser suficiente, tratando dos pontos mais fundamentais que devem funcionar e não podem ser relegados ao segundo plano.

Qual a importância do planejamento do negócio?

É possível, em especial para empresas pequenas, que o negócio seja comece sem um planejamento do negócio. Mas é quase impossível que ele possa se desenvolver muito sem um, e de qualquer maneira é necessário que o planejamento seja adotado para qualquer corporação.

Afinal, é o plano de negócio que coloca a empresa nos trilhos. Ele dita para onde a empresa vai e como chegará até seus objetivos. Sem esse planejamento fica difícil para o empreendedor entender seu negócio enquanto uma organização viva.

O cenário do mercado também não se apresenta de maneira completa para o empreendedor sem um planejamento do negócio, que também considera tanto o micro quanto o macro mercado.

Assim, tanto o dono da empresa quanto todos seus parceiros de gestão têm ideia de como o público, concorrente e tendências funcionam e qual a melhor maneira de se aproveitar da situação.

Uma empresa com um plano de negócios está muito mais preparada, capaz de enfrentar desafios mais rigorosos e perigosos para a instituição.

Benefícios do planejamento do negócio

Para você compreender de vez qual a importância de um planejamento do negócio, vamos definir seus principais benefícios, que podem ser alcançados com um plano bem definido. Confira todos!

Objetivos claros e bem definidos

Sem dúvidas o principal benefício do plano de negócios. Quando o planejamento ocorre de maneira correta, a empresa sabe aonde quer chegar com precisão e também firma os passos necessários para conquistar o espaço que busca no mercado.

O caminho que a instituição quer trilhar fica bem definido, assim como seu objetivo. E o melhor, ele se torna fácil de comunicar e consultar para o empreendedor, para o resto da equipe e aos possíveis investidores.

Auxilia identificar oportunidades e ameaças

O mercado constantemente apresenta oportunidades e ameaças. O plano de negócios deixa a empresa mais consciente e capaz de identificar essas duas realidades e também escolher melhor entre elas.

Aproveitando as oportunidades, desviando dos riscos e conseguindo se manter relevante em todo o mercado, tudo isso pode ser conquistado por meio do planejamento.

Gestão de recursos

Ter ideia de que recursos a empresa necessitará é bem complicado. Porém, com o planejamento do negócio fica muito mais fácil. Isso também reforça a necessidade de ter um planejamento deste tipo desde o começo da empresa.

Se sua empresa realizar um plano de negócios desde o começo, ficará mais fácil para ela conhecer os recursos mais básicos e os investimentos necessários para dar o primeiro passo. E claro, também entenderá melhor os recursos fundamentais para seu futuro.

Permite uma avaliação da viabilidade do negócio

Você já se imaginou prevendo o que vai dar certo e o que pode dar errado em seu negócio? Com um planejamento pode ser muito mais fácil. Ele permite para sua empresa, mesmo antes de ser criada, identificar se é um negócio viável ou não.

Mesmo após criado, o plano de negócio também dá as ferramentas essenciais para uma empresa avaliar a viabilidade de projetos, realizar projeções de vendas e identificar se um investimento vale ou não a pena.

Monitoramento da empresa

Um planejamento de negócios é uma ferramenta viva. Ele deve ser orgânico, cresce junto da empresa, é atualizado com novas informações e deve ser constantemente consultado e adaptado para novas situações e desafios que a empresa pretenda encarar.

Portanto, o planejamento também pode ser utilizado como um medidor de progresso da empresa, observando como ele começou, como ele está no momento e comparando o mesmo período com o que a empresa fez, de onde ela saiu e onde ela está.

Vantagens de uma empresa organizada

Veja quantos benefícios você pode conseguir com seu planejamento do negócio. E claro, não para por aí! As vantagens de ter uma empresa organizada vão muito além, por exemplo:

vantagens de uma empresa organizada
Vantagens de uma empresa. Fonte/Reprodução: original

Eficiência: Uma empresa bem organizada é uma empresa eficiente. Ela pode agir no mercado evitando os erros mais grosseiros e de forma mais ágil. Esta postura aumenta a produtividade, evita riscos desnecessários e torna a instituição mais prática;

  • Tomada de decisões acertadas: Os gestores de uma empresa organizada tomam decisões mais acertadas. Com o planejamento correto, a perspectiva dos gestores está muito mais limpa, nítida e sua perspectiva é mais completa. Logo, com todas essas qualidades suas deliberações são corretas, objetivas e livre de obtusidade;
  • Uma empresa que satisfaz os clientes: Ora, por que um plano de negócios existiria se não fosse para agradar e satisfazer os consumidores da empresa? O principal objetivo de uma instituição comercial é conseguir suprir as necessidades e fidelizar seus consumidores, o bom planejamento faz do negócio mais bem-sucedido diante do público;
  • Ambiente de trabalho mais saudável: Empresas que são organizadas promovem um ambiente de trabalho muito mais adequado e saudável. Suas políticas internas são orientadas para trazer aos seus colaboradores bem-estar e manter todos os recursos em ordem;
  • Riscos reduzidos: Sem dúvidas os riscos de uma empresa organizada são menores. Uma instituição que tenha a organização como método de trabalho planeja todos os seus recursos, sabe como utilizá-los para garantir eficiência e também planeja bem os seus próximos passos. Assim, ela raramente é vítima de ameaças desnecessárias;
  • Competitividade: E por fim, a empresa bem organizada é muito mais competitiva e uma rival respeitável no mercado. Ela está muito mais preparada para lidar com os riscos e agir.

Veja quantos benefícios são, indiretamente, conquistados com o plano de negócios. O planejamento é sem dúvidas uma arma e defesa para a empresa.

Como fazer um plano de negócios?

E se você não sabe como elaborar um bom planejamento do negócio, sem problemas! Aqui vamos ensinar um passo a passo completo, com 6 pontos essenciais para o plano da sua empresa.

Defina o seu objetivo

O primeiro passo para criação e formação de um plano de negócios é definir bem os objetivos da empresa. Pontos, como:

  • Que público ela planeja conquistar;
  • Que investidores ela quer alcançar;
  • Mercados onde ela deseja avançar;
  • Entre outros.

Todas essas perguntas fundamentais para o negócio ter seu pontapé inicial e um norte em todas essas ações devem ser respondidas logo no início do planejamento. Esses objetivos podem ser alterados a longo prazo ou pelo menos sofrer pequenas reformulações.

Realize uma pesquisa de mercado

É necessário realizar uma pesquisa de mercado. Identificar os possíveis clientes, consumidores, tendências e tecnologias referentes à atividade fim da sua empresa.

Ferramentas de otimização como CRM, SEO entre outras também podem ser utilizadas nesta etapa, tudo para entender melhor como o mercado funciona e quais pontos devem ser atacados para um melhor aproveitamento.

Neste ponto, também costumam aparecer as principais oportunidades e ameaças que o mercado oferece para sua empresa.

Defina o modelo de negócios

Para o planejamento ser concluído é necessário que a empresa defina o modelo de negócios que irá seguir. Afinal, o que a empresa irá fazer? Aqui entram não só a atividade fim, mas também que modelo de negócios serão adotados para tal objetivo.

A empresa irá vender em modelo Business To Business(B2B) ou Business To Consumer (B2C), se terá um atendimento presencial, virtual ou misto. Essas informações são respondidas nesta etapa.

Definindo a equipe

O líder e empreendedor é uma figura importante e necessária para o negócio. Porém, a empresa é criada de verdade pelos colaboradores e a equipe envolvida. Contratar as pessoas corretas é essencial.

E se nessa parte do plano de negócios não são contratados ainda os colaboradores, eles devem pelo menos ter seu perfil definido. A empresa lista aqui, os atributos que busca em sua equipe e quais as qualificações necessárias que seu negócio demanda.

Faça projeções financeiras

Sem lucrar uma empresa não cresce e nem ao menos se sustenta. Logo, fazer projeções financeiras é de maneira alguma “colocar a carroça na frente dos bois” e sim um passo necessário para o planejamento do negócio.

Veja quanto sua empresa consegue render, e também qual o mínimo necessário. Também pode colocar pequenas metas, uma quantidade de lucro a ser alcançada em intervalos de tempo diferentes.

Faça um resumo executivo

E por fim, você deve finalizar um planejamento do negócio com um resumo executivo. O resumo se trata de uma breve explicação dos principais pontos abordados pelo planejamento.

Ele deve ser realizado com cuidado, afinal quando sua empresa se apresentar para um investidor, por exemplo, ela deve mostrar esse resumo antes de partir para o planejamento inteiro. Logo, ele deve ser, ao mesmo tempo, resumido, mas também muito claro e falar sobre sua empresa com autoridade.

Quais os 3 tipos de planos de negócios?

Mas será que existe mais de um tipo de plano de negócio? Sim, e pode ser dividido em 3 tipos pelo menos:

  • Plano de negócios interno: utilizado pela empresa e seus colaboradores;
  • Plano de negócios externo: disponibilizado para parceiros e investidores;
  • Plano de negócios operacional: utilizado para pautar as atividades operacionais rotineiras da instituição.

Essa divisão é muito mais teórica do que estrutural. Ou seja, ela pode ou não acontecer, e um mesmo planejamento do negócio pode ter essas várias facetas ou modelos que funcionam como pequenos resumos. Não necessariamente um plano anula o outro.

Mas com o artigo ficou claro a necessidade de você ter um plano de negócios para sua empresa! São tantas vantagens que qualquer empreendedor que não faça um está agindo de maneira bastante leviana. Não deixe de criar o seu utilizando as dicas do nosso guia.


Comments

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *