Despesas com pessoal: o que é?

0 323

Podemos chamar de despesas com pessoal, todos os gastos feitos pelas 3 esferas do poder público com funcionários e encargos, sejam estes com pessoal ativo, patronal, inativos e beneficiários de algum tipo.

No artigo, vamos te informar melhor sobre as despesas com pessoal, mostrar quais os fatores que as influenciam, além de abordar como são calculadas e idealizar algumas alternativas para reduzir estes gastos. Confira!

Quais são as principais despesas com pessoal?

A seguir exemplificamos quais são as principais despesas com pessoal na atualidade, no Brasil:

  • Gastos com pessoal ativo;
  • Gastos com pessoal inativo;
  • Gastos Patronais;
  • Gastos com Benefícios.

Tanto esses como quaisquer outros gastos julgados necessários pelo poder público para alcançar algum objetivo, meta ou melhoria durante seu planejamento compõem as despesas com pessoal. 

Quando falamos sobre quem efetua esses gastos, podemos pensar em cargos como os que ocupam o poder legislativo, executivo, judiciário e o ministério público. Existem algumas leis que tratam de impor limites a esse tipo de prática, e para aqueles que se excederem demais, mesmo avisados, o risco é de exoneração do cargo/vaga ocupada.

Como é calculada a despesa com pessoal?

Existem alguns mecanismos de controle para estas despesas e encargos, e alguns documentos que chegaram para dar uma reviravolta no nicho de finanças do Brasil, como as Leis Camata I e II, que trouxeram aos brasileiros alguns ideais de limites para os gastos, estes regrados e impostos sobre os valores de despesas com pessoal, que já foram exorbitantes em alguns momentos da história.

Artigos Relacionados
1 De 173

Hoje em dia, o cálculo dos gastos das despesas com pessoal são atualizados e postados em tabelas e infográficos em vários veículos de informação, com os valores de despesas mensais, e às vezes, as somatórias para se ter transparência do valor anual gasto com isso em média, no Brasil.

Quais os fatores que influenciam a despesa com pessoal?

Dentre os fatores que influenciam os valores de despesas com pessoal, podemos citar principalmente o giro contínuo de salários e encargos de cunho público, a alteração do valor do real no mercado financeiro, e a necessidade de contratar mais funcionários para lidar com uma demanda maior de problemas a serem solucionados.

Quando o governo começa a liberar benefícios para cumprir a demanda constitucional de prover o mínimo necessário para a sobrevivência de cidadãos em situação de vulnerabilidade social, o valor que sai dos cofres públicos precisa ser justificado e, de alguma forma, isso também pode ser considerado um fator que influencia nas despesas totais do País.

Como reduzir as despesas com pessoal?

Uma possibilidade a se pensar quanto a como reduzir os gastos de despesas com pessoal, seria adotar alguns limites mais significativos e com requisitos mais incisivos, para se certificar de que todo o dinheiro utilizado fosse devidamente monitorado e registrado com bastante detalhes. 

Tabelas e infográficos com os valores de despesas/encargos do Brasil, podem ser encontradas na internet, com diversos outros estudos e reflexões sobre as despesas citadas aqui. 

Obviamente há diversas teorias e visões sobre as possíveis formas de alterar esses custos, mas a dificuldade em aplicá-las também é real, visto que o Brasil é um país grande e populoso, com diversos desafios a serem enfrentados no campo financeiro.

No ano de 2022, segundo tabelas de cálculos de despesas, o Brasil já se encontra com mais de R$: 2.866.614.998 (mais de dois bilhões, oitocentos e sessenta milhões) em despesas com pessoal, somadas do início ao ano até o mês de outubro.

Deixe um comentário