Como funciona o radar de velocidade fixo?

Como funciona o radar de velocidade fixo?
Como funciona o radar de velocidade fixo?

O radar de velocidade fixo, ou pardal, como é conhecido, é aquele que encontramos normalmente localizado em postes instalados em vias, capaz de captar uma imagem do automóvel mesmo que ele se encontre em alta velocidade ou não. Seu funcionamento é bem simples de ser entendido e acontece sem nenhuma intervenção humana.

Qual a origem do radar de velocidade fixo?

Não se sabe ao certo quando surgiu o radar de velocidade fixo, então, não é possível determinar a origem desse modelo de radar.

Qual a origem do radar de velocidade fixo?
Qual a origem. Fonte/Reprodução: original.

O que podemos afirmar é que o primeiro radar surgiu na Alemanha, em 1904, e foi criado por Christian Hülsmeyer, mas não obteve sucesso por ser uma construção difícil e pelo sistema de detecção de eco ineficiente.

O investimento veio com o passar do tempo, até que se encontrou uma forma mais prática de utilização.

Para que serve o radar de velocidade fixo?

O radar de velocidade fixo tem como serventia primordialmente detectar veículos que estão fora dos limites de velocidade permitido para via.

Para que serve o radar de velocidade fixo?
Para que serve. Fonte/Reprodução: original.

É uma forma de controlar a velocidade das vias e punir quem infingir as regras de trânsito.

Quando é necessário um radar?

O emprego de algum radar, se ele fixo ou móvel, vai pela necessidade de controle de tráfego, seja para evitar excesso de velocidade ou para fazer algum tipo de fiscalização.

Quais as vantagens dos radares de velocidade fixo?

O radar de velocidade fixo tem algumas vantagens, dentre elas, a otimização de serviço por não precisar de uma pessoa para ser responsável por captar a imagem, como também a identificação de algum automóvel com possíveis irregularidades na documentação.

Como o radar calcula a velocidade do veículo?

A medição da velocidade pelo radar de velocidade fixo é feita pela instalação de sensores que ficam no asfalto, com uma certa aproximação entre eles, para que seja possível delimitar e expressar em números o tempo que o automóvel passa entre um ponto e outro, para fazer o cálculo de velocidade.

Vias urbanas

Já descrito anteriormente, sua instalação é feita dessa forma, por sensores no asfalto e uma câmera no poste, para assim determinar a velocidade do veículo e registrar o número da placa do automóvel.

Rodovias de pista dupla

Por ser um esquema de sensores no asfalto, o radar de velocidade fixo é acionado num ponto e termina em outro por via de captação, que em sequência ativará a câmera que registrou a imagem do veículo na direção que ele se locomove.

Quando a multa é fixada?

A multa é fixada se o motorista obtiver velocidade 10% acima do permitido. Por exemplo, se a via pública ou rodovia tem como limite 70 km/h, o motorista só poderia passar sem ser multado, com velocidade máxima de 77 km/h, acima disso já acarretará multa.

Como são definidas as infrações aplicadas pelo radar de velocidade fixo quando?

As multas, ou infrações, são aplicadas de acordo e através da porcentagem acima da velocidade permitida que o motorista passar. Segue abaixo a lista de como elas são aplicadas:

Velocidade acima de 20%

Quando o motorista passar numa velocidade acima de 20%, ele entrará numa penalidade de multa e uma infração dita como média, o valor que será pago pelo motorista é de R$ 130,16.

Velocidade for entre 20% a 50%

Quando o motorista ultrapassar a velocidade que se enquadra dentro de 20% a 50% acima da velocidade permitida, ele entra na penalidade de multa, mas numa infração considerada como grave, o valor que será pago pelo motorista é de R$ 195,23.

Velocidade acima de 50%

No momento que é constatado que a velocidade esteja acima de 50% da velocidade permitida, o motorista além de receber uma multa, terá suspensa sua habilitação e logo o direito de dirigir. A suspensão pode durar de 2 a 8 meses, nesse caso sua infração é considerada gravíssima, o valor que será pago pelo motorista é de R$ 880,41.

Quais os tipos de radares de velocidade?

Além do radar de velocidade fixo, existem mais três tipos, que são:

  • Radar estático;
  • Radar móvel;
  • Radar portátil.

O radar de velocidade fixo é muito utilizado para controle de velocidade, e por isso, gera diversos questionamentos no seu uso, pois muitos motoristas solicitam que seja informado a localização dos radares para que seja possível saber o limite máximo e assim não gerar possíveis multas para eles.

Por conta desses questionamentos, segundo uma resolução do CONTRAN, diz que é necessário que seja visível a localização desses equipamentos, diferente dos outros tipos de radares.

Compartilhar:

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn
O que é a Amazon Ads?

O que é a Amazon Ads?

A Amazon Advertising ou melhor, Amazon Ads como é mais conhecido, é o serviço de publicidade da empresa de mesmo nome e funciona de forma

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Leia Também

Categorias Populares

Calculadora

Geradores

Bancos

Documento

Bitcoin

Tecnologia

Beneficios

Governo

DMCA.com Protection Status