Como fazer a transferência de uma moto?

0 26

A compra e venda de carros usados, inclusive motocicletas, é muito comum. No entanto, a negociação não se trata apenas de fornecer o veículo adquirido e sua posterior utilização. É necessário tomar algumas medidas legais. Principalmente transferência! Você sabe o valor das transferências de motocicletas?

Como fazer a transferência de moto?

Se o novo dono não sabe o que fazer, é inútil saber o valor do traslado da motocicleta, certo? A transferência de propriedade nada mais é do que uma atualização do cadastro das fundações DETRAN e RENAVAM. Lá, todas as informações do seu veículo serão registradas durante o seu “ciclo de vida” até que ele deixe de circular.

Para a transferência, as partes negociadoras precisam passar por alguns procedimentos:

O formulário ATPV no verso do CRV deve ser preenchido. Todos os dados devem ser fornecidos, e a autenticidade (não a semelhança) das duas assinaturas deve ser reconhecida em cartório. Cópias autenticadas de documentos são necessárias;

Após o pagamento da taxa, cada estado difere, sendo necessário levar a motocicleta até local homologado pelo DETRAN para fiscalização.

O relatório do procedimento deve ser anexado aos demais documentos;

Traga o arquivo para o DETRAN ou Ciretran de sua cidade. Além do CRV completo, você também deve trazer: CPF e RG ou CNH – com cópia; CNPJ – se o titular for pessoa jurídica;

Comprovante de endereço – com cópia;

Certificado de pagamento original;

Decalques-motor e chassis;

Extrato de PTRE (Renavam Research);

2 formulários Renavan (um para o Detran e o segundo para envio de trabalhos).

Qual valor da transferência de moto?

O valor da taxa de serviço do DETRAN varia de estado para estado. Portanto, para saber quanto você precisa pagar pelo traslado de motocicleta, é necessário consultar a tabela de preços do serviço em seu estado. Em São Paulo, o valor em 2018 era de 197,89 reais.

Como fazer a transferência digital do documento do veículo

Lembramos que este processo se aplica a residentes no Estado de São Paulo, uma vez que o Poupatempo não presta serviços em outros estados.

Baixe o aplicativo “Poupatempo Digital”

Clique em “Serviços” Selecione a opção “Veículo”

Selecione a guia “Registro e transferência”

Selecione a opção “Transferência de veículo

Clique em autorização de transferência de propriedade de veículo ATPV-e

Se o carro já estiver cadastrado, basta selecioná-lo.

Caso contrário, clique na opção “Adicionar seu veículo”

Preencha os campos com o número da placa e número da Renavan

Preencha todos os dados necessários do veículo nas guias que aparecem um após o outro Insira os detalhes do vendedor e do comprador

Verifique as informações e confirme.

Agora basta imprimir o PDF gerado Assine o documento Identificar assinaturas autenticadas (comprador e vendedor).

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.